Assessoria Remota , por Nilda Balieira

A assessoria remota é certamente uma boa opção de atividade que pode ser desenvolvida paralelamente por toda secretária que tenha interesse em  ter um “plano B”.  Já há algum tempo estava querendo escrever sobre  este assunto  e para  isso precisava entender como o serviço é prestado e quanto cobrar pelo serviços .  Para minha sorte , em um dos eventos do Pepitas Secretaries Club, encontrei  nada menos com   a autora do livro  “Como se tornar uma Assistente Virtual de Sucesso”  e  Diretora Executiva da  e-Assistente , Assessoria e Secretária Remota.

No post de hoje, Nilda Balieira , uma das pioneiras  em assessoria remota no Brasil , fala sobre sua experiência com secretariado remoto e nos dá dicas valiosas para o desempenho da função.

Conheci a atividade em 1996 na Bélgica, quando eu fazia a faculdade de Secretariado Executivo e quando retornei ao Brasil em 1999, comecei de fato a atuar Secretária Remota independente. No início tive certa dificuldade em divulgar meu trabalho,  pois como se tratava de um segmento novo, ninguém conhecia a atividade e as pessoas agiam com muita desconfiança e resistência.O fato do cliente não ter contato direto com o profissional ou ter o profissional à distância ainda gerava, e ainda gera, uma certa insegurança, o que é normal. É triste constatar, mas em relação a outros países, o empresário brasileiro ainda não está preparado para trabalhar com qualquer profissional remoto.

Como diz o ditado por ai… Sou brasileira e não desisto nunca, rsrs. Mudei de estratégia e comecei a oferecer meus serviços a expatriados aproveitando o fato deste tipo de cliente já conhecer  a atividade. E não é que deu certo?! Eu prestava serviços para expatriados no Brasil e eles falavam de mim para seus colegas brasileiros. Foi dessa forma que consegui me firmar no mercado brasileiro.

Felizmente já é visível uma mudança no mercado, pois é considerável o número de empresas e profissionais liberais que trabalham em sistema de Home Office e de agências de Assistentes Virtuais começam a se instalar no país.

Sobre a atividade em si, primeiramente é preciso ter certeza de que é isso que você quer fazer. Eu sempre aconselho as pessoas a começarem como uma atividade paralela. Em seguida é importante identificar as suas habilidades. Lembrando que “Identificar seu lado empreendedor será muito importante neste início, pois isso irá permitir que você se coloque no lugar do cliente. Isto é um grande teste de resistência pelo qual todos devem passar”. O Sebrae me ajudou muito nessa etapa. Muitas pessoas não sabem, mas o Sebrae oferece cursos online gratuitos.

Hoje já é possível oferecer qualquer tipo de serviço remoto desde suporte administrativo, organização e planejamento de eventos, viagens, reuniões, reservas, até atendimento telefônico. A lista é vasta, mas é importante oferecer também um serviço diferenciado para se destacar no mercado, e não apenas copiar os que já existem por ai. Por exemplo, algum tipo de serviço direcionado para um grupo específico de profissionais.

Agora vamos para o lado prático. Hoje eu utilizo muito os recursos do Google para trabalhar. A agenda do Google permite que se compartilhe a sua agenda pessoal e isso me ajuda a administrar os compromissos diários dos meus clientes, onde quer que eu esteja. Outro recurso que facilita muito a minha vida é o Google Drive (nuvem do Google) e o Dropbox onde compartilho também os documentos e imagens. Para a gestão de projetos eu gosto do Trello é um aplicativo de gestão e planejamento de tarefas. Mas existem outros me mercado como por exemplo o Evernote é uma outra opção bem legal. A tecnologia é minha amiga nessas horas. É preciso estar atento a todas as novidades.

Com relação aos pacotes, vocês podem oferecer por hora dedicada ou por tarefas… Hoje se pratica no mercado os pacotes de 5/10/20 e 40 horas… O custo médio da hora é de R$ 50,00 no Sudeste. Nas outras regiões o valor pode variar.

Para a captação de clientes, podemos contar hoje com as mídias sociais… O alcance é incrível. Além das redes sociais, para quem está iniciando a sua consultoria, eu sugiro a velha abordagem entre os seus grupos de família, amigos, colegas, ex-chefes, conhecidos. Network é tudo nessas horas!!! A velha divulgação do boca a boca ainda é imbatível… Para isso é preciso fazer um bom atendimento ao cliente e podem ter certeza que isso fará toda a diferença!

Escrever sobre assuntos da atividade no país ou serviços voltados para a área do secretariado e tecnologia e dar dicas diárias em blogs e redes sociais ajuda o profissional a ser notado. Compartilhar conhecimentos e experiências demonstra o profissionalismo da Secretária Remota.

A publicação do meu livro foi quase por acidente, rsrs. Em 2008 durante um período desempregada, entre uma entrevista e outra comecei a me dedicar à consultoria, procurei o Sebrae para fazer alguns cursos de empreendedorismo e isso me levou a escrever sobre o assunto. Inicialmente pensei em fazer um curso para oferecer aos futuros Assistentes Virtuais. Imediatamente comecei a trabalhar no projeto, mas então vi que o material ficaria melhor em forma de uma publicação.

A publicação do livro “Como se tornar uma Assistente Virtual de Sucesso” só foi efetivada em 2010…desde então muitas pessoas me procuram pedindo dicas sobre o assunto e principalmente me pedindo emprego. Esse ano fiz uma parceria com a Poliana Macedo – Secretária Virtual da Empresa A Assessora. Ela oferece a consultoria de acompanhamento na montagem de home Office, que envolve desde a formalização, treinamento, montagem do espaço virtual, elaboração e consolidação no mercado da marca.

Em Setembro de 2016, decidi finalmente fazer um site para divulgar a consultoria http://e-assistente.com/wordpress, consequentemente tive que criar uma fan page @eassistente e investir em divulgação. Trabalho em parceria com alguns profissionais de áreas diversas (tradução, designer, secretária remota, telefonia, etc.) As parcerias são primordiais para oferecer serviços diferenciados na consultoria.

 

Please follow and like us:
Post criado 71

4 comentários em “Assessoria Remota , por Nilda Balieira

  1. Olá, Nilda!

    Gostaria de saber como são cobrados os valores ( se é por hora trabalhada, por dia, por mês, etc) dos serviços de Assessoria Remota.

    Qual o valor cobrado por hora trabalhada? E por dia? Por mês?

    Há pacotes de serviços e pagamentos? Se sim, como são cobrados os valores? Qual o preço?

    Fico no aguardo das informações e dos detalhamentos possíveis referentes ao valores do serviço de Assessoria Remota.

    Desde já, agradeço-lhe!

    Att.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Relacionados

Comece a digitar sua pesquisa acima e pressione Enter para pesquisar. Pressione ESC para cancelar.

De volta ao topo